TED: Lições de vida de um publicitário

Publicidade agrega valor ao produto, alterando a nossa percepção, ao invés do próprio produto. Rory Sutherland ousa afirmar que uma mudança no valor percebido pode ser tão satisfatória quanto o que nós consideramos valor “real” — e sua conclusão tem consequências interessantes sobre a forma como olhamos a vida.
Assista ao vídeo:

Leia Mais

Os desafios da gestão e a regra que vale ouro

Em recente entrevista, a empresária Luiza Helena Trajano, 63 anos, revelou o que ela definiu como regra de ouro do Magazine Luiza, rede na qual ela lidera 23 mil funcionários em 740 lojas: “faça aos outros o que gostaria que fosse feito a você”.

gestao

 

Luiza hoje é considerada uma das 3 mulheres mais poderosas do Brasil, segundo lista da revista Forbes. Com uma regra básica, mas que vale ouro, como ela mesma definiu, a empresária levou a loja confinada no interior de São Paulo para 16 estados. Em 2014, o grupo registrou lucro líquido de R$ 128,6 milhões, alta de 13% em relação a 2013. A receita acumulada, no consolidado do ano, ficou em R$ 9,779 bilhões, avanço de 20,9% ante o ano anterior. (mais…)

Leia Mais

Você e a empresa estão falando a mesma língua?

Se tivesse que avaliar como anda a comunicação na sua empresa, que nota você daria? E o seu poder de se comunicar bem no ambiente de trabalho? Será que você está recebendo e compartilhando as informações necessárias? A comunicação está acontecendo da forma como deveria?

No prefácio do livro Como implantar uma área de comunicação interna, o autor Paulo Clementediz que “uma das comunicações mais desafiantes é aquela com o público que julgamos ser o que mais conhecemos: o público interno”. Isto em razão de fatores como a natureza do relacionamento, a proximidade do receptor  e do emissor e a influência da comunicação informal, entre outros. Diz ele: “Nenhum público é tão criativo na geração de boatos nem tão sensível aos seus efeitos do que o público interno”. E isso explica a importância da comunicação correta dentro de uma empresa.

falando

 

(mais…)

Leia Mais

Chega de atrasos!

Qual a sua reação quando compra um produto e ele é entregue exatamente no prazo prometido? E quando é entregue antes do prazo? Bem melhor, hein? Para surpreender os clientes da sua empresa – e os chefes também – não há mistério: além de oferecer qualidade sempre, vale melhorar os prazos de entrega dos trabalhos, algo que pode ser conquistado através do uso de indicadores de desempenho e com algumas dicas úteis a serem aplicadas no dia a dia!

Chega-de-atrasos

Para ajudar nesta tarefa, separamos e avaliamos 5 sugestões mencionadas em um artigo muito interessante do Businesscamp sobre o assunto. Confira: (mais…)

Leia Mais

Networking? Isso mesmo

network3

Networking. Às vezes, cansa apenas ouvir (ler) este termo. Networking, networking, networking. Mas, preste atenção, estar conectado a pessoas é essencial – não apenas para arrumar um emprego – mas principalmente para se manter empregado. Sim, os analistas estão certos: networking é investimento, e não um fardo.

Olha o que mostrou, por exemplo, uma pesquisa realizada por Iain Edmonson em três empresas de Cambridge, no Reino Unido: os empresários que faziam networking recebiam benefícios em alguns estágios diferentes de seu desenvolvimento profissional. Até mesmo para ser ouvido, mostra a pesquisa, ser bem relacionado pode fazer diferença.

Edmonson constatou o seguinte: uma boa rede de relacionamentos garante que a ideia inicial seja ouvida; em uma segunda etapa, facilita o aprimoramento, com troca de problemas e soluções; e, tendo sido aprovada a ideia, simplifica o caminho para obter investimentos, clientes e parceiros. (mais…)

Leia Mais

O que uma xícara de café ‘fala’ sobre você?

Não é novidade que o corpo “fala” e, quando se trata do ambiente de trabalho, é importante que ele exponha a linguagem correta para gerar os melhores resultados no relacionamento profissional. Alguns sinais da linguagem corporal são tão óbvios que não precisam de muito estudo a respeito (é o caso de alguém que, em uma reunião, bate constantemente os pé no chão e suspira, demonstrando alto grau de ansiedade pelo seu término), mas outros sinais podem não ser tão claros, por isso separamos 10 truques infalíveis da linguagem corporal que podem ajudá-lo no dia a dia em seu ambiente de trabalho. Confira:

Marque território para demonstrar poder – Se é preciso demonstrar autoridade, uma boa dica é fazer bom uso do espaço que você ocupa. Isso significa que usar apenas o cantinho da mesa, de forma tímida, quando se tem a mesa inteira à disposição, pode não ser a melhor atitude a tomar. Em reuniões, não esconda as mãos embaixo da mesa, procure deixá-las visíveis, assim como os cotovelos.

organização

 

A cadeira mais alta para o chefe -  Ainda visando à demonstração de poder, a escolha da cadeira pode fazer muita diferença. Para demonstrar status e autoridade em uma reunião, escolha a cadeira com o encosto mais alto. (mais…)

Leia Mais

Taskrow agora está nas redes sociais; curte lá

capa-face6 (1) (2)

Já pensou em trabalhar menos e produzir mais? Melhor solução em produtividade, o Taskrow agora tem novos canais de comunicação para dar dicas de organização e gestão.

Semanalmente enviaremos uma nova newsletter em que detalharemos todos os recursos do Taskrow. Em nossos canais de comunicação, você ainda terá dados sobre o mercado corporativo, dicas de gestão, entrevistas com grandes especialistas, entre outros pontos que vão ajudar você a ter um melhor desempenho.  (mais…)

Leia Mais